image_pdfimage_print

Parece que a indústria dos games está mesmo caminhando para ter consoles 100% digitais. Segundo rumores apurados pelo site Windows Central, a Microsoft revelará no mês de abril uma versão do Xbox One S chamada "All-Digital Edition", que, inclusive, estará em pré-venda a partir do anúncio. O novo dispositivo, que tem o codinome "Maverick", vai oferecer um programa de disc to digital, permitindo que os usuários transformem seus discos de jogos físicos em arquivos digitais.

Um outro benefício deste Xbox One seria o preço. Hoje, nos Estados Unidos, um Xbox One S parte, em média, dos US$ 299 (R$ 1.128) vindo em um bundle com um game. Esta nova versão pode chegar com preço menor e com kits diferenciados, talvez oferecendo o Xbox Game Pass como entrada. A mudança pode marcar uma nova era na indústria dos games.

A retirada da unidade de disco coloca um limite na quantidade de conteúdo 4K que será consumida no Xbox, especialmente fora dos EUA, onde as ofertas de vídeo digital 4K são escassas em comparação com os discos físicos Blu-ray 4K. Porém, o uso de todos os recursos digitais traz benefícios como o pré-carregamento de jogos e reembolsos instantâneos.

As principais empresas do setor, como a Microsoft e a Sony, já consideraram a hipótese de descartar unidades de disco para seus consoles no passado. A Sony, por exemplo, debateu retirar os discos do PlayStation 4 antes de seu lançamento, em 2013. Mas a empresa, em última análise, decidiu mantê-los, em parte, porque as conexões de internet para pessoas em alguns países em desenvolvimento e em bases militares não são confiáveis ​​o suficiente para suportar os muitos gigabytes de dados necessários para o download de um jogo completo. A empresa também criou opções de streaming como o Playstation Now, que permite que as pessoas joguem por meio da internet de uma forma semelhante Netflix

Em uma entrevista no início deste ano, no entanto, o presidente dos estúdios mundiais da PlayStation, Shawn Layden, disse que a empresa está consciente de que nem todo mundo tem uma boa conexão internet para usufruir de serviços somente digitais.

A Microsoft, por sua vez, também considerou uma versão apenas digital do Xbox antes. Há cinco anos, a empresa estava experimentando um setup relativamente mais simples e que suportaria games por download, além de testar outros modelos de Xbox, tudo com o intuito de ampliar sua família de consoles.

Agora, porém, a Microsoft já sinaliza que está mais disposta a mudar os jogos para a internet, mas não, claro, como sendo a única opção. Em junho passado, a empresa disse que está desenvolvendo um serviço de streaming de jogos para competir com a Sony, Electronic Arts e outros. A gigante de Redmond também avisou que já está trabalhando no próximo Xbox, com rumores apontando que o novo modelo já seja mostrado ao mercado e ao público na E3 2019.

(Ler na fonte)


×
CREATE ACCOUNT ALREADY HAVE AN ACCOUNT?

 
×
Recuperar as informações de acesso?
×

Go up

Pular para a barra de ferramentas