image_pdfimage_print

A temporada esportiva no mundo dos videogames está começando. E, no mundo do futebol, quem dá o pontapé inicial é PES 2019, que teve uma demonstração gratuita liberada pela Konami para PlayStation 4, Xbox One e PC. Aqui no Canaltech nós jogamos o game e contamos as nossas primeiras impressões para você.

De cara, já dá para perceber que PES 2019 é o título mais polido da série desde que a Konami resolveu adotar a Fox Engine em Pro Evolution Soccer 2014. Naquela época, o game sofreu para se adaptar ao novo motor gráfico e por pelo menos dois anos os fãs debandaram para a concorrência. Agora, cinco anos depois, a sensação é de que a empresa japonesa finalmente encontrou o ponto certo.

Isso significa que PES 2019 está mais realista do que nunca. A movimentação dos jogadores está extremamente fluida, sem passar aquela sensação de robô nem de bonecão do posto. Da corrida para bater um tiro de meta movimentação de uma cabeceada bem dada, tudo parece muito verossímil, verdadeiro.Movimentação dos jogadores está mais fluida e realista em PES 2019 (Captura de tela: Sergio Oliveira)

Parte desse realismo também pode ser atribuído velocidade do jogo. Não temos mais nenhum Usain Bolt em campo, com fôlego infinito nem nada do tipo, correndo pra cima e pra baixo; agora, dá para sentir o peso dos jogadores no joystick e a diferença entre um atleta maior e mais forte e outro mirrado e de mais velocidade. Graças a isso, o ritmo é muito mais cadenciado, sem aquele frenesi absurdo, e exige mais raciocínio do jogador.

Outro elemento que merece destaque são os gráficos. Apesar de PES 2019 ser o primeiro da série a chegar com gráficos 4K, o que impressiona de verdade é a modelagem dos jogadores, estádios e torcida. Grandes nomes como Philippe Coutinho, Pogbá e Messi receberam uma atenção toda especial e são idênticos s suas contrapartes reais; mesmo assim, isso não significa que nomes de equipes menores, como as do Campeonato Brasileiro, exclusivo do título da Konami, estão desfigurados como aconteceu em PES 2018.Modelagem dos estádios, campo e torcida também se destaca e conferem mais verossimilhança a PES 2019Modelagem dos estádios, campo e torcida também se destaca e conferem mais verossimilhança a PES 2019 (Captura de tela: Sergio Oliveira)

Por falar no Campeonato Brasileiro, vale destacar o esforço da Konami para se aproximar do povão brasileiro e de ligas consideradas de segundo escalão pelo concorrente FIFA. Assinando acordos aqui e acolá, PES 2019 garantiu a presença das ligas da Rússia, Portugal, Bélgica, Suíça e o já mencionado Brasileirão. Na demonstração, pudemos dar uma olhada prévia nas equipes do São Paulo, Palmeiras e Flamengo — Vasco e Corinthians entrarão para a versão final.

Todos esses acertos técnicos são prova do amadurecimento da Fox Engine. Entretanto, alguns probleminhas persistem e indicam que talvez esteja na hora de a Konami adotar um outro motor gráfico como o Unity ou criar um novo do zero. Exemplo disso é que a desenvolvedora ainda não conseguiu ajustar o problema das finalizações, que há anos é o Calcanhar de Aquiles da franquia — experimente puxar para o meio da área e dar um chute cruzado. Os goleiros seguem sendo verdadeiros ninjas, defendendo bolas absurdas e desbalanceando toda a jogatina.Na demonstração, PES 2019 mais acerta do que erra e sai de campo confiante para uma temporada difícil contra FIFANa demonstração, PES 2019 mais acerta do que erra e sai de campo confiante para uma temporada difícil contra FIFA (Captura de tela: Sergio Oliveira)

De uma maneira geral, entretanto, a expectativa é que PES 2019 chegará mais focado na simulação. Fãs de longa data do título poderão sentir um certo desconforto com os ajustes feitos na jogabilidade, mas é inegável que ela está mais fluida e próxima da realidade. E fica a torcida para que, até o lançamento, os problemas sejam corrigidos e o que está dando certo seja mantido.

PES 2019 tem lançamento marcado para o dia 28 de agosto no PlayStation 4 e Xbox One. Dois dias depois, em 30 de agosto, o título estará disponível para PC via Steam. No Canaltech, a demonstração foi testada em um Xbox One X.

(Ler na fonte)


×
CREATE ACCOUNT ALREADY HAVE AN ACCOUNT?

 
×
Recuperar as informações de acesso?
×

Go up

Pular para a barra de ferramentas