image_pdfimage_print

O primeiro dispositivo de realidade aumentada montado pela Apple poderia estar pronto em meados do próximo ano, de acordo com um novo relatório divulgado hoje pelo famoso analista de mercado especializado em produtos da Apple, Ming-Chi Kuo. O projeto seria um headset e chegaria como um acessório do iPhone. De acordo com Kuo, os óculos terão uma função de exibição, enquanto transferem sem fio a rede e o posicionamento para o smartphone.Mockup feito por fã mostra como poderia ser o AR Glasses da Apple

Projetar os óculos de realidade aumentada para funcionar como acessório do iPhone também deve permitir que a Apple mantenha o gadget fino e leve, em vez de tentar embalar todo o hardware de processamento no único dispositivo. Kuo acredita que a empresa inicie a produção em massa dos acesórios já no quarto trimestre deste ano, embora admita que o cronograma poderia ser adiado para o segundo trimestre de 2020.

Em novembro de 2017, a Bloomberg informou que a Apple estava desenvolvendo um headset de realidade aumentada e que pretendia tê-lo pronto em 2019, embora a empresa pudesse lançar um produto em 2020. Segundo o relatório, o headset rodaria em um novo sistema operacional personalizado, baseado no iOS e apelidado de "rOS" para "sistema operacional de realidade".

A Apple vem explorando a realidade virtual e as tecnologias de realidade aumentada há mais de 10 anos, com base em registros de patentes. A empresa também tem rumores de ter uma unidade de pesquisa secreta composta por centenas de funcionários trabalhando em AR e VR, explorando maneiras pelas quais tecnologias emergentes poderiam ser usadas em futuros produtos da Apple.

(Ler na fonte)


×
CREATE ACCOUNT ALREADY HAVE AN ACCOUNT?

 
×
Recuperar as informações de acesso?
×

Go up

Pular para a barra de ferramentas