image_pdfimage_print

Uma atualização do Chromium — o navegador open source da Google, que serve como base para o desenvolvimento do Chrome — incluiu entre as opções de mecanismos de busca padrão alguns serviços concorrentes que oferecem mais privacidade do que o buscador da gigante.

A medida expande a escolha dos usuários por produtos de busca. As mudanças foram lançadas na última terça-feira (13), com a versão estável do Chromium 73, e ocorrem em um momento em que a Google enfrenta crescentes críticas em relação à privacidade dos usuários e acusações de monopólio no setor.

O maior beneficiário da atualização parece ser o buscador focado em privacidade DuckDuckGo, que agora está sendo oferecido como uma opção em mais de 60 mercados, inclusive o Brasil.

Feedly: assine nosso feed RSS e não perca nenhum conteúdo do Canaltech em seu agregador de notícias favorito.

Nas notas sobre as mudanças postadas no GitHub, o engenheiro de software Orin Jaworski afirma que a lista de referências por país está sendo “completamente substituída com base em novas estatísticas de uso” de “dados coletados recentemente”.

Como alguns dos buscadores acrescentados ao Chromium, o DuckDuckGo é um motor de busca que não registra as informações e dados de navegação do usuário. A ferramenta tampouco guarda os endereços de IP ou histórico das pessoas que o acessam, e utliza cookies apenas quando necessário.

Leia a matéria no Canaltech.

Trending no Canaltech:

(Ler na fonte)


×
CREATE ACCOUNT ALREADY HAVE AN ACCOUNT?

 
×
Recuperar as informações de acesso?
×

Go up

Pular para a barra de ferramentas