Agora você pode remover o pendrive do PC sem preocupações


A Microsoft finalmente entendeu que quase ninguém se preocupa com a segurança na hora de remover pendrives do computador, e quem tem esse cuidado não gosta muito do processo envolvido. Uma nova atualização do Windows 10, já disponível para todos os usuários, não exige mais que o usuário ejete o drive antes de retirá-lo do computador, permitindo que todos sejam felizes e despreocupados assim que terminarem de transferir arquivos.

Com o update, a opção de Remoção Rápida se torna o padrão do sistema operacional, o que significa que o pendrive sempre estará pronto para ser retirado sem que seja preciso nenhuma etapa adicional. Não há risco de perda de dados, a não ser, claro, se o drive for arrancado da porta USB durante o processo de gravação das informações, algo que, ainda assim, pode levar a dados corrompidos ou uma necessidade de formatação completa.

A atualização opera, basicamente, uma mudança na forma com a qual os arquivos são armazenados no disco removível. No método convencional, o sistema operacional acelera a velocidade de leitura e gravação ao trabalhar com cache, o que significa que, mesmo quando dados não estão sendo efetivamente copiados, ainda há processos acontecendo ali, o que pode levar a problemas no caso de uma retirada insegura. O modo de Remoção Rápida não funciona desta maneira, permitindo que os drives sejam desconectados sem “aviso”.


Participe do GRUPO CANALTECH OFERTAS no WhatsApp e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

A mudança vem com a build v1809 do Windows 10. Por mais que a nova opção passe a ser utilizada como padrão, ainda é possível retornar ao sistema antigo caso você prefira uma leitura mais rápida em troca de uma etapa a mais antes de remover um pendrive. Do contrário, se é desses que curte viver perigosamente com suas informações, saiba que, a partir de agora, é só tranquilidade.

Leia a matéria no Canaltech.

Trending no Canaltech:

(Ler na fonte)